Hidras da Caverna Congelada

Postado no dia 24 de junho de 2009 por em Artigos, D&D

Tive uma idéia para um encontro maneiro inspirado diretamente no último chefe da Dungeon Nexus, da expansão Wrath of the Lich King para World of Warcraft. As hidras do Manual dos Monstros não são nada emocionantes — são poços de PV e fazem ataques bem bobinhos. A idéia original era descobrir formas de melhorar um combate contra elas, deixando a luta emocionante.

hydra

Como quase todo encontro do D&D, o segredo está no terreno. Usando uma sala/espaço não muito grande (eu recomendo 7×7 ou 8×8 quadrados), invente um motivo para não se poder ficar parado no mesmo lugar. Sugestões:

  • O grupo está no interior de uma montanha vulcânica e o chão está próximo de um rio de magma;
  • O grupo está num pântano extremamente ácido;
  • O grupo está numa caverna de gelo mágico, muito abaixo de zero;

mapaNo final do turno, os personagens que não se moveram sofrem 5 pontos de dano do tipo apropriado. Para deixar as coisas mais legais, esse dano pode ser crescente: 10 no segundo turno sem se mover, 15 no terceiro, e por aí vai.

Uma criatura fantástica para habitar essa sala é a hidra: com seus quatro ataques de alcance dois, e com alcance ameaçador (ou seja, faz ataques de oportunidade segundo as regras da 3a edição), a mobilidade dentro da sala tem que ser muito bem planejada.

Para não transformar essa sala na festa do ajuste, espalhe uns quadrados de terreno acidentado e pronto. Um belo quebra-cabeças combativo. Tem um exemplo de um mapa para esse encontro ao lado, usando os Dungeon Tiles 5: Lost Caverns of the Underdark.

Um encontro que tinha tudo para ser meio chato ganha uma nova roupagem. Para outra idéia no mesmo estilo, veja O Círculo, que postei no Rolando 20!

E rolem 20!

Tags: , , , , , , , , , , ,

3 Comentários

LeoXorao

24 de junho de 2009

Vai dar trabalho para os jogadores.

Nibelung

24 de junho de 2009

Engraçado, eu sempre achei as hidras excelentes como monstros solo porque elas são “imunes” a pasmo e atordoado. Melhor que hidras pra mim, só dragões de beholders, que são de longe os melhores solos da 4e.

Jagunço

2 de dezembro de 2009

Pesadão. Gostei. >) Mas o dano crescente não está cruel, não? Pensando bem…. Não! hehehe…

Deixe seu Comentário

Website ou blog (opcional)